Este blog não é canal oficial para nenhum grupo ou personalidade. Não busca atrair nenhum indivíduo ou grupo a fazer parte de qualquer grupo. Liberdade, soberania e abundância ilimitada para todos. Confie na sua intuição e procure sempre a validação ou não das informações postadas aqui em outras fontes. Você é o único dono de sua Energia - corpo-mente-alma-emoções - de sua Vida; e o Único Senhor de Si Mesmo, com a bênção do seu Criador/Criadora.

domingo, 7 de janeiro de 2018

MS_Elite Global / GTIMO / Forças Especiais / Implicações na Divulgação Total _ 03.1.2018

Elite Global levada para GTIMO pelas Forças Especiais dos EUA – Implicações na Divulgação Total.

“Há motivos para um otimismo cauteloso de que as perspectivas de uma "Divulgação Total" aumentarão substancialmente à medida que os membros mais corruptos do Deep State forem levados à Gitmo. A remoção de lideranças globais poderosas ajudará grandemente a finalizar décadas de políticas de negar ao resto da humanidade os benefícios das tecnologias avançadas que irão revolucionar a vida em todo o planeta.” - MS

Global Elite taken to GITMO by US Special Forces – Full Disclosure Implications
03.jan.2018
http://exopolitics.org/global-elite-taken-to-gitmo-by-us-special-forces/
Escrito por Dr Michael Salla em 03 janeiro 2018

Tradução de contato estelar:


A Internet tem zumbido com rumores de que os membros VIP de alto nível do Estado Profundo (aka Cabal / Illuminati / Elite Global) estão sendo detidos por abusos e corrupção em direitos humanos e estão sendo levados pelas Forças Especiais dos EUA para uma prisão militar em Guantanamo Bay Naval Base (Gitmo) como resultado de milhares de acusações formais seladas [sealed indictments]. Múltiplas fontes têm relatado sobre algumas das principais figuras VIP para lá levadas.

Embora sejam ainda apenas rumores, os eventos recentes apontam para sua plausibilidade. Se verdade, essas investigações secretas, detenções e extrações para Gitmo, onde eles enfrentam detenção prolongada e justiça militar, têm enormes implicações políticas e possibilitam a liberação de informações suprimidas previamente retidas pelo Deep State.

Uma fonte de tais rumores é David Todeschini, um antigo veterano da Força Aérea Americana que escreveu sobre operações secretas durante a Guerra do Vietnã. Ele descreve o que ele aprendeu de uma fonte confiável do FBI sobre os eventos recentes em Guantánamo em um vídeo do Youtube de 24 de dezembro de 2017, que ele resumiu da seguinte maneira:

Fontes confidenciais de alto nível dizem a este repórter que a prisão militar dos EUA em Guantánamo foi alertada a esperar por prisioneiros de alto perfil em breve - possivelmente como resultado de mais de 10.000 acusações formais FEDERAIS seladas. 1.000 fuzileiros navais acompanharam o general Mattis a Gitmo para garantir a segurança dos "prisioneiros especiais" ...

Outra fonte sobre a respeito das extrações secretas para o GITMO por meio de acusações formais seladas é o jornalista veterano Dr. Jerome Corsi que tuitou:


#QAnon # Qanon8chan Algo está acontecendo em GITMO - registros de vôos sendo compartilhados em Subreddit post CBTS_stream AQUI: https://t.co/3CnO7GpczZ Relacionado a @realDonaldTrump ordem executiva sobre confisco de ativos para aqueles envolvidos em abusos de direitos humanos

[No original, imagem acima: #QAnon #Qanon8chan Something is happening at GITMO — flight records being shared on Subreddit post CBTS_stream HERE: https://t.co/3CnO7GpczZ Related to @realDonaldTrump executive order regarding confiscation of assets for those involved with human rights abuses ]

— Jerome Corsi (@jerome_corsi) 29.dez.2017

[Este paragrafo foi atualizado por M.Salla:] Uma terceira fonte é Brenden Dilley, um apresentador de rádio candidato a uma vaga no Congresso dos EUA, que recebeu informações de outro denunciante/informante anônimo que tem um histórico de confiabilidade. A informação do denunciante/informante apareceu em uma publicação de 27 de dezembro que foi erroneamente atribuída a QAnon [veja a atualização abaixo para discussão de atribuição errada a QAnon] A publicação refere-se às recentes  discussoes sobre as chegadas de VIPs a Gitmo:

[O paragrafo anterior que foi atualizado é este, desconsiderar: Uma terceira fonte é o suposto denunciante QAnon, que foi citado como autor de uma publicação de 27 de dezembro, que se refere às recentes chegadas de VIPs a Gitmo:]


O que vale a pena enfatizar na alegada publicação de QAnon é que novos residentes começaram a chegar em Gitmo em 26 de dezembro de 2017, e mais eram esperados. Isso aconteceu depois que o presidente Trump emitiu sus Ordem Executiva em 21 de dezembro, declarando "emergência nacional" em resposta a abusos de direitos humanos e corrupção em todo o mundo.

Finalmente, temos o ex-correspondente da Revista Forbes, Benjamin Fulford, que escreveu em 1º de janeiro de 2018:

Em um momento histórico de justiça poética, a maioria dos principais perpetradores da "guerra ao terror", com sede nos Estados Unidos, foram agora entregues a base da Marinha dos Estados Unidos, em Guantánamo, Cuba, dizem fontes do Pentágono. "Os ativos dos Rothschilds [entre eles] George Soros, Peter Munk, Peter Sutherland, Bushes, Podestas e muitos outros podem ter sido transportados por avião para tribunais militares em Gitmo ao mesmo tempo que o Departamento de Defesa gasta USD 500 milhões para renovar a prisão e envia mais policiais militares e Marines ", dizem as fontes.

O que pode ser suposto partir dessas fontes independentes é que os membros de alto nível do Deep State, muitos dos quais fazem parte de uma rede global satânica de pedofilia, estão sendo detidos pelas Forças Especiais dos EUA e levados para Gitmo onde devem ser mantidos indefinidamente, enquanto a justiça militar é aplicada aos casos. Neste processo, as instalações em Gitmo estão sendo renovadas de forma significativa com expansões e mais guardas para acomodar um aumento no numero de prisioneiros VIPs.

Um dos primeiros a se referir às Forças Especiais dos EUA sendo usadas para investigar e deter membros do Deep State sob a autoridade de acusações formais seladas, é o denunciante/informante do Programa Espacial Secreto Corey Goode. Ele relatou essas investigações militares em 9 de agosto de 2017 depois de ser informado por uma fonte, descrita por ele como sendo um agente aposentado do FBI e militar de carreira:

Havia equipes das Forças Especiais dos EUA que estavam conduzindo vigilância doméstica e investigações de um grupo satânico que se infiltrara todos os aspectos das agências governamentais e militares. Essas equipes das Forças Especiais estavam posicionadas desde meados do ciclo eleitoral ... Fui informado da existencia de um relatório secreto sobre o alcance destas infiltrações, e é mais chocante do que era esperado. Estranhamente, este relatório também teve antações de diversos "Grandes Juris" [grand juris] secretos ativos agora em Washington D.C.

O relatório afirma que a conspiração envolve a maioria das pessoas poderosas dentro da ONU, da UE, dos EUA e das estruturas de poder estaduais e locais (cidades). Essa organização governamental é completamente cúmplice no que está acontecendo. Descendo até agências locais dos Correios e Delegacias policiais.

Mais recentemente, Goode diz que suas fontes lhe disseram que Gitmo está sendo renovada [upgraded] para hospedar detidos VIPs, incluindo acesso de cadeira de rodas para alguns deles, que estão sendo detidos por Forças Especiais trabalhando em todo o mundo. Ele explicou em um comunicado de 5 de novembro com o bestseller autor David Wilcock:

Os Grande Juris Secretos estavam quase totalmente terminando suas investigações quando tudo mudou. Eles estavam com acusações formais seladas sendo preparadas quando receberam um conjunto de novas informações que lhes proporcionou uma rede mais larga para lançar.

Suas investigações desde então aumentaram dramaticamente. Tanto sobre os planos de um Golpe já é conhecido pelo cabal que não sei por quanto tempo mais a Aliança pode aguardar para agir e impedir o cabal escapar para fora do país.

Alguns dos realmente piores já saíram. Nossas equipes das FEs (Forças Especiais) estão planejando entrar em alguns desses países que estão escondendo esses membros do cabal e levá-los a força.

Tais afirmações são verdadeiras? Ao examinar os registros públicos, o que é conhecido é que James Mattis, Secretário de Defesa, visitou Gitmo em 21 de dezembro, tornando-se o primeiro Secretário de Defesa a fazê-lo desde 2002. Foi no mesmo dia em que a Trump emitiu sua "Ordem Executiva Bloqueando as Posses de Pessoas Envolvidas em Graves Abusos aos Direitos Humanos ou Corrupção", quando declarou:

Eu, portanto, determino que a corrupção e o abuso aos direitos humanos em todo o mundo constituem uma ameaça incomum e extraordinária para a segurança nacional, a política externa e a economia dos Estados Unidos, e eu declaro uma emergência nacional para lidar com essa ameaça.

O momento sugere que isso foi mais do que coincidência e criou um possível vínculo entre a visita de Mattis e a Ordem Executiva. Esse link é reforçado por uma visita anterior a Gitmo em julho de 2017 pelo procurador-geral Jeff Sessions, que descreveu Gitmo:

um lugar "perfeitamente aceitável" para deter novos suspeitos de terrorismo, ao contrário de mantê-los nos EUA e ter seu próprio Departamento de Justiça julgando-os em tribunais civis.

https://www.youtube.com/watch?v=qiaP492Jyqs

É bastante viável que Gitmo seja usada para abrigar detidos sob a Ordem Executiva de Trump. Eles poderiam ser tratados de forma semelhante aos terroristas sob a "emergência nacional" da Ordem Executiva, que delegou autoridade para qualquer agência dos EUA capaz de fazer cumprir a principal função da Ordem de subtrair os ativos financeiros de indivíduos e grupos específicos:

Seç. 8. ... O Secretário do Tesouro pode, de acordo com a lei aplicável, redelegar qualquer uma dessas funções a outros diretores e agências dos Estados Unidos. Todas as agências devem tomar todas as medidas adequadas dentro da sua autoridade para implementar este pedido.

Consequentemente, a Ordem Executiva de Trump forneceu uma base jurídica firme para as Forças Especiais dos Estados Unidos deterem fisicamente indivíduos alvos no continente americano e em qualquer lugar do planeta, e levá-los para Gitmo quando necessário.

A lei militar, em vez da lei nacional [domestic] dos EUA, se aplicaria a aqueles detidos pelas Forças Especiais dos EUA atuando sob a autoridade das Acusações Formais Seladas [Sealed Indictments] e da Ordem Executiva de 21 de dezembro. Esta seria uma alavanca poderosa que poderia ser usada para obter confissões e cooperação de agentes de escalão inferior do Deep State contra seus superiores que estão sendo levados para o Gitmo.

Outro fato pertinente é que Todeschini alega que 1000 marines acompanharam Trump e permanecerão para fornecer segurança especial para os prisioneiros VIPs. Da mesma forma, Fulford refere-se a ambos - os Fuzileiros Navais e a polícia militar da Guarda Nacional - sendo transferidos para Gitmo.

No que diz respeito ao pessoal dos marines [USMC] sendo transferidos para a Gitmo, uma notícia do [jornal] Miami Herald se refere a uma renovação proposta para Gitmo, e inclui acomodações para 848 fuzileiros que estariam prontas em quatro anos. Isso é muito próximo do alegado [numero de] 1000 marines que Todeschini (e Fulford) afirmam terem sido enviados para cuidar dos prisioneiros VIPs.

Também há corroboração para a reivindicação sobre a polícia militar da Guarda Nacional sendo levada para a Gitmo. Em 29 de dezembro de 2017, foi reportado que a Guarda Nacional do Arizona estava enviando mais de quatro dúzias de polícias militares para Gitmo por um período de nove meses.

Um relatório do Departamento de Defesa citado em uma declaração do Congresso dos EUA de 24 de maio de 2016, menciona que a população carcerária em Gitmo era de 684 prisioneiros em junho de 2003, e foi reduzida para cerca de 80 até 2016. Estimativas mais recentes são de aproximadamente 40 terroristas islâmicos

A reportagem do Miami Herald, de 21 de agosto de 2017, revelou que a administração Trump planejava gastar até USD 500 milhões na atualização das instalações em Gitmo. Isso incluiu uma proposta da Marinha para construir um hospital de cinco camas aum custo total de US $ 250 milhões.

O fato de que um hospital com cinco camas deve ser construído a um custo tão significativo sugere que Trump planeja expandir significativamente o número de prisioneiros em Gitmo e estes não seriam suspeitos de terroristas islâmicos, no entanto, mas prisioneiros VIPs por trás de abusos internacionais aos direitos humanos e de corrupção, que não receberão tratamento médico no continente americano.

Finalmente, chegamos à afirmação fundamental de que foram elaboradas milhares de acusações formais seladas que foram utilizadas para autorizar a detenção e extração de pessoal do Deep State. O sistema Public Access to Court Electronic Records (PACER) foi analisado para confirmar a existência de 4289 acusações federais formais seladas até 22 de novembro de 2017, de acordo com o ex-agente do FBI Hal Turner.

Mais recentemente, as fontes afirmam que aumentou para mais de 9000 acusações formais seladas a partir de 24 de dezembro de 2017. Este valor ainda não foi fundamentado, mas seria razoável concluir que o número de novembro pode ter aumentado significativamente em dezembro. [Estão falando em mais de 10.000 agora...]

concluindo, existem evidências convincentes para apoiar as alegações de que os principais personagens de uma rede internacional de VIPs do Deep State envolvidos no tráfico de crianças, abusos de direitos humanos, corrupção e rituais satânicos estão sendo investigados, detidos e levados para o Gitmo por meio de acusações formais seladas [sealed indictments] impostas por Forças especiais dos EUA.

As implicações do desenrolar desses eventos na divulgação de tecnologias secretas relacionadas a programas espaciais secretos, a bases antárticas escondidas sob camadas de gelo e a vida extraterrestre, todas anteriormente suprimidas pelo Estado Profundo, são enormes.


Há motivos para um otimismo cauteloso de que as perspectivas de uma "Divulgação Total" aumentarão substancialmente à medida que os membros mais corruptos do Deep State forem levados à Gitmo. A remoção de lideranças globais poderosas ajudará grandemente a finalizar décadas de políticas de negar ao resto da humanidade os benefícios das tecnologias avançadas que irão revolucionar a vida em todo o planeta.

© Michael E. Salla, Ph.D. Aviso de direitos autorais.

[Atualização [de MS], 3 Jan 2018:  Eu [MS] recebi o seguinte comentário em minha pagina no FB sobre uma suposta postagem de Q em 27 dezembro 2017. Ann Schrock – quem fez o comentário – diz que é uma atribuição errônea visto que Q Anon não tem postado desde 25 dez. Ela diz que ela transcreveu a fonte anônima para a informação de 27 de dez e escreveu:

"Essa informação veio de uma" fonte "que alimentou Brenden Dilley, que estava fazendo um 'Periscope' em sua página pessoal do twitter. Eu assisti e transcrevi enquanto escutei. Não tenho ideia se esta informação é verdadeira, simplesmente escrevi o que ouvi. É para você ter em mente ... ou não. "

Ann Schrock publicou material adicional que pode ser lido aqui. Embora existam razões para acreditar que a fonte de Brendan Dilley é legítima, a publicação do 27 de dezembro foi atribuída erroneamente à QAnon. Eu então corrigi o artigo e adicionei esta atualização para esclarecer a situação. Obrigado a Ann Schrock por apontar o erro. M.S.]

*

Tradução de contato estelar.